As escolas querem se superar, diz presidente da liga das escolas de samba

  • Por Jovem Pan
  • 28/01/2016 21h48

Paulo Sérgio FerreiraPaulo Sérgio Ferreira

Perto do Carnaval, Paulo Sergio Ferreira, presidente da Liga das Escolas de Samba, conversou com a Jovem Pan para falar sobre a chegada das festividades. Segundo ele, a preparação das escolas está perfeitamente em dia.

“As escolas já estão chegando ao sambódromo, começando a montar suas alegorias e daqui mais uns dias já estamos com todos os carros prontos. Na estrutura do sambódromo já estamos com 90% pronto, acreditamos que segunda-feira já esteja preparado para a grande festa”, disse o presidente.

Em 2016, ele congelou os preços dos ingressos para assistir aos desfiles do Carnaval, o que tudo indica ter sido uma decisão bastante acertada. “Na crise que a gente está, a gente também tem que fazer a nossa parte, a nossa colaboração. As escolas também vêm tendo todas as dificuldades e apesar da crise irão apresentar grandes espetáculos”.

“Eles querem se superar, cada um superando o outro. Quem for ao sambódromo vai assistir a grandes desfiles, com certeza”, completou Paulo Sergio.

Sobre os blocos de rua, o presidente ainda comentou os considera como algo positivo para o Carnaval. “Eu acho que agrega bastante. O Carnaval de rua é uma grande oportunidade para soltar o grito de Carnaval, só acho que tem que se fazer um estudo para o futuro, para que se organize melhor”. “Não pode crescer desordenadamente, do jeito que está crescendo. É uma grande oportunidade para o povo brincar e ver como era o Carnaval de antigamente”, comentou.

Para quem quiser assistir aos ensaios, o público pode sim participar e a entrada é franca. De acordo com o presidente, as arquibancadas para assistir aos desfiles já estão quase cheias.