Advogado de Morgan Freeman exige retratação da CNN por acusações de assédio

  • Por Jovem Pan
  • 29/05/2018 14h48
ReproduçãoAtor foi acusado por 8 mulheres em reportagem publicada pela emissora americana

Morgan Freeman está tomando medidas contra as acusações de assédio que recebeu através da CNN. O advogado do ator contatou a emissora e exigiu uma retratação por conta da reportagem que traz as denúncias.

De acordo com o THR, o advogado enviou um documento de 10 páginas à Jeff Zucker, presidente da CNN, afirmando que a história “difamou e causou sérios danos” à reputação e carreira de Morgan Freeman.

“No mínimo, a CNN precisa divulgar uma retratação imediatamente e se desculpar com o Sr. Freeman pelos mesmos canais e com o mesmo nível de atenção usado para atacá-lo injustamente”, diz a carta.

O advogado ainda desconstrói os argumentos das mulheres que denunciaram o ator. Ele afirma que Chloe Melas, uma das jornalistas envolvidas na reportagem, interpretou o comentário de Freeman de forma errada.

No fim de semana, Morgan Freeman divulgou dois comunicados sobre as acusações e, além de se desculpar, negou os assédios.