Allison Mack planejava sequestros e estupros de seita sexual

  • Por Jovem Pan
  • 24/05/2018 12h53
EFEA Chloe de Smallville será julgada em 13 de junho

Uma vítima da seita NXIVM revelou em depoimento à Justiça dos Estados Unidos que a atriz Allisson Mack planejava sequestros e estupros de mulheres para o líder do grupo, Keith Ranieri.

De acordo com o site Radar Online, a vítima disse que foi levada à força por Mack até Ranieri e que foi abusada múltiplas vezes por ele.  “Ela nos obrigava a fazer qualquer coisa que Ranieri nos pedisse”, contou.

Sem ter seu nome identificado nos papéis do processo, a vítima contou como funcionava o esquema. Ela revelou que Ranieri analisava todas as suas presas e que Mack era rígida para manter todas as escravas sexuais com 45kg.

“A Allison era cruel, a NXVIM era como um acampamento militar e ela punia a todas, ela nos forçava a entrar em dietas para emagrecermos”, explicou.

O documento mostra que Mack obrigava as vítimas a posarem nuas para ela, afim de enviar fotos para que Ranieri as aprovasse. A mulher diz ter sido analisada pelo guru, que obrigou outra pessoa a fazer sexo oral nela.

Com julgamento marcado para 13 de junho, Mack afirma que foi vítima de uma lavagem cerebral e que não respondia pelos seus atos. Ela atualmente está em prisão domiciliar após ter pago US$ 5 milhões à justiça.