Bruno Gagliasso presta queixa após ofensas raciais a filha Titi

  • Por Jovem Pan
  • 27/11/2017 11h16
Reprodução/InstagramA socialite Day Mcarthy fez injúrias raciais pesadas contra Titi

Bruno Gagliasso foi Delegacia na manhã desta segunda-feira (27), na Cidade da Polícia, no Rio de Janeiro, prestar queixa contra a socialite Day Mcarthy, que ofendeu racialmente a sua filha Chissomo, conhecida como Titi.

No último domingo, a brasileira residente do Canadá publicou um vídeo em uma rede social ofendendo a criança de 4 anos. Essa não é a primeira vez que Mcarthy ofende pessoas gratuitamente em suas redes sociais.

Além de abrir processo no Brasil, Gagliasso e Ewbank devem também processar a brasileira na Justiça do Canadá. Por aqui, a ofensa racial é crime de injúria e dá detenção de um a três anos.

Após saberem do ocorrido o casal de atores se manifestou nas redes sociais e garantiram que procurariam as medidas cabíveis para lidar com a situação. “Numa sociedade racista, não basta não ser racista, é necessário ser antirracista”, reproduziu Gagliasso a frase da ativista americana Angela Davis.