Família diz que Dona Ivone Lara deixou cerca de 40 músicas inéditas

  • Por Jovem Pan
  • 17/04/2018 11h55
Arquivo PessoalDona Ivone Lara em foto de arquivo pessoal

Mesmo enfrentando as dificuldades da idade e passando por alguns problemas de saúde, Dona Ivone Lara nunca parou de compor. De acordo com informações cedidas por sua família ao jornal Extra, a sambista possui cerca de 40 músicas inéditas que foram escritas nos últimos quatro anos. Ou seja, ela seguia uma incrível média de 10 composições por ano.

“Muitas músicas estão guardadas. Dos 93 anos dela para cá, ela fez umas 40 músicas. Estão novinhas. Fez com meu filho, André Lara, e com outros compositores, como o Delcio Carvalho (parceiro de longa data). A última ela fez não tem nem oito meses”, disse à publicação a nora da sambista, Eliana Lara Martins de Castro.

Eliana contou ainda como funcionava o processo de criação da artista. “Ela telefonava e perguntava pelo André. Depois, cantarolava para ele, que respondia ‘pode deixar, vó, vou colocar uma letra’. Ele voltava e mostrava para ela, que dizia: ‘leia alto, que eu não estou escutando’. Se tivesse algo que não gostasse, ela dizia ‘você estudou no Colégio Militar, não pode ser qualquer coisa, não’. As músicas falam de amor. Apenas uma é triste, fala de traição. Quando perguntada sobre o motivo do tema, ela respondeu (para o André): ‘Você já foi traído alguma vez? Então eu sei porque estou fazendo isso’. Tinha sempre bom humor e uma resposta”, completou.

Dona Ivone Lara morreu nesta segunda-feira (16), aos 97 anos, em decorrência de uma insuficiência respiratória. Ela estava internada na Coordenação de Emergência Regional, anexa ao Hospital Miguel Couto, no Leblon, zona sul do Rio de Janeiro. O corpo será velado nesta terça (17) na quadra da escola de samba Império Serrano, em Madureira. O enterro acontecerá no Cemitério de Inhaúma.