Dupla Maiara e Maraisa critica charge que a associa ao nazismo: ‘Grande irresponsabilidade’

  • Por Jovem Pan
  • 21/01/2020 16h24
Reprodução/InstagramDupla divulgou nota de repúdio sobre charge publicada em jornal nesta terça-feira (21)

As sertanejas Maiara e Maraisa divulgaram uma nota de repúdio à uma charge publicada pelo jornal Folha de São Paulo nesta terça-feira (21).

A ilustração do texto “Silêncio sobre Roberto Alvim reinou entre o pessoal do axé, do sertanejo e do pagode”, da coluna de Anderson França, traz as cantoras usando uma braçadeira com suástica nazista.

“Associar a dupla ao nazismo é uma grande irresponsabilidade e uma agressão as cantoras que repudiam toda e qualquer atitude que remeta a essa época tão sombria da história”, diz o texto divulgado nos perfis oficiais da dupla.

“Maiara e Maraisa sempre foram e serão a favor da liberdade de imprensa, mas para tudo há de se ter bom senso e responsabilidade. Diante de tamanha agressão e irresponsabilidade, o departamento jurídico das artistas já foi acionado para que os responsáveis respondam juridicamente pelos seus atos”, completa a nota.

As cantoras ainda pedem que seus fãs “não alimentem o mal” e mostrem que “podemos respeitar o próximo, concordando ou não com suas opiniões.”

Leia a nota na íntegra:

View this post on Instagram

NOTA DE REPÚDIO Nesta terça-feira, 21 de janeiro, foi publicado no jornal Folha de São Paulo, na coluna do Anderson França, o texto “Silêncio sobre Roberto Alvim reinou entre o pessoal do axé, do sertanejo e do pagode”, que faz crítica a alguns segmentos da classe artística brasileira. Uma ilustração, feita pelo mesmo autor do texto, mostra a dupla Maiara e Maraisa usando uma braçadeira com uma suástica nazista. Em tempos onde alimentar o ódio na web virou rotina, nos deparamos com tamanho absurdo. Associar a dupla ao nazismo é uma grande irresponsabilidade e uma agressão as cantoras que repudiam toda e qualquer atitude que remeta a essa época tão sombria da história. Podemos fazer uma breve reflexão: Quem alimenta o ódio? Quem cultiva a discórdia? Pessoas que por escolha própria preferem não se posicionar publicamente ou alguém que se posiciona atacando e tirando conclusões que ultrapassam o limite da crueldade? Maiara e Maraisa sempre foram e serão a favor da liberdade de imprensa, mas para tudo há de se ter bom senso e responsabilidade. Diante de tamanha agressão e irresponsabilidade, o departamento jurídico das artistas já foi acionado para que os responsáveis respondam juridicamente pelos seus atos. Maiara e Maraisa, neste momento pedem aos seus fãs que não alimentem o mal, não alimentem a mentira e mostrem que podemos respeitar o próximo, concordando ou não com suas opiniões.

A post shared by Maiara (@maiara) on