Diretor de ‘A Hora dos Mortos-Vivos’ morre aos 72 anos

  • Por Jovem Pan
  • 25/03/2020 15h26
Reprodução/InstagramStuart Gordon ficou conhecido no gênero horror, mas nos últimos se dedicou ao teatro

O cineasta Stuart Gordon morreu na terça-feira (24), aos 72 anos. Ele dirigiu clássicos do cinema como “A Hora dos Mortos-Vivos” (1985). A informação da morte foi confirmada à Variety, mas a família não revelou a causa.

Inspirado no conto de H.P. Lovecraft, o filme de Gordon narrava a história de um médico que buscava reverter a morte.

O longa ganhou continuações que não foram conduzidas pelo cineasta. Em sua carreira, Gordon voltou ao gênero de horror em “Do Além” (1986), “O Poço e o Pêndulo”, e a antologia “Mestres do Terror”.

É dele também a ficção científica “A Fortaleza” (1992), história que se passava no futuro de 2017, em que o ator Christopher Lambert interpretava um paciente de experimentos mentais.

Nos últimos anos, Gordon se dedicou ao teatro, com a mulher, Carolyn Purdy. Juntos, fundaram a Organic Theater Company. Seu último trabalho no cinema foi “Em Rota de Colisão” (2007), sobre um caso de assassinato real, com a atriz Mena Suvari no elenco.

*Com Estadão Conteúdo