Noah Centineo relembra vício em drogas aos 17 anos: ‘Época sombria’

  • Por Jovem Pan
  • 12/02/2020 14h23
Reprodução/InstagramAstro da Netflix abriu o coração em entrevista à revista americana

Noah Centineo comentou, pela primeira vez, a sua batalha contra o vício em drogas iniciada quando ele tinha apenas 17 anos. O astro da Netflix, que alavancou sua carreira com a trilogia de filmes “Para Todos os Garotos que Já Amei”, abriu o coração em entrevista nesta semana para a revista Harper’s Bazaar.

Segundo a reportagem, Centineo foi dependente químico dos 17 até um dia antes de completar 21 anos. “[Nossa coisa favorita era] usar ecstasy e conversar por cinco horas para chegar ao fundo de algumas questões existenciais e filosóficas realmente profundas”, contou.

O ator de 23 anos também disse que ecstasy não era a única droga que usava. “Tudo. Não havia muitas drogas que eu não usasse. Eu nunca injetei nada, o que é ótimo. Eu fumei muitas coisas. Eu estava muito triste. Foi uma época sombria da minha vida.”

Para a publicação, Centineo relembrou a separação de seus pais quando ele tinha 15 anos. Na época, ele foi morar com a mãe em um hotel e sua irmã ficou com o pai, na Flórida. Viver nessa situação o fez “reprimir muitas emoções”.

Hoje, o ator garante que não usa mais drogas e falou quais são as atividades nas quais ele foca quando precisa “extravasar”.

“Eu surto muito. Gosto de banhos longos, gosto de meditação, gosto de escrever em diários. Eu falo bastante comigo mesmo se eu estou bravo com algo que eu fiz. Eu realmente grito comigo, olhando no espelho no meu quarto. Tipo: ‘Cara, pare! Isso é inaceitável. Você é melhor que isso!’. Eu me culpo por muitas coisas, mas eu também consigo me tirar de ciladas. E isso é algo muito forte”, compartilhou.

“Para Todos os Garotos: P.S. Ainda Amo Você”, a segunda parte da franquia, chegou hoje à Netflix.

View this post on Instagram

February 12th

A post shared by Noah (@ncentineo) on