O que é a doença de Lyme? Médico explica diagnóstico de Justin Bieber

Doença bacteriana é transmitida por carrapatos, mas tem baixa prevalência no Brasil

  • Por Larissa Mauricio/Jovem Pan
  • 09/01/2020 13h29 - Atualizado em 09/01/2020 16h05
Reprodução/InstagramCantor vai mostrar batalha contra doença em série documental

Nesta semana a imprensa americana noticiou que Justin Bieber sofreu com os sintomas da doença de Lyme em 2019. Em suas redes sociais, o cantor confirmou as informações na quarta-feira (8). Mas afinal, o que é esta doença?

Transmitida pelo carrapato, a doença não é comum no Brasil, afetando mais as regiões da Europa e Estados Unidos, explicou o médico infectologista Jean Gorinchteyn, do Hospital Emílio Ribas.

“É uma doença transmitida pela bactéria Borrelia burgdorferi e tem baixa prevalência em nosso meio, não tivemos muitos relatos de casos aqui no Brasil”, disse à Jovem Pan.

Também transmitida pelo carrapato, a febre maculosa é uma doença mais comum em território brasileiro do que a Lyme, mas Gorinchteyn ressaltou as diferenças.

“São bactérias e doenças diferentes, o que têm em comum é o vetor, o carrapato. Mas no Brasil os grandes reservatórios deles são as capivaras, enquanto nos lugares mais frios, como Estados Unidos, são os cervos.”

Os sintomas iniciais da doença de Lyme são: lesão no local da picada, que podem progredir com o passar dos dias; dor de cabeça; dores no corpo; febre. “É importante o diagnóstico inicial pois é preciso realizar o tratamento com antibióticos, tanto por via oral como na veia, se for o caso”, completou o infectologista.

Assim como a febre maculosa, a doença de Lyme tem cura, mas identificá-la rapidamente é essencial para evitar sequelas. “Ela é curável, após o início do tratamento, entre 14 e 21 dias. Mas podem existir complicações neurológicas, por isso é importante realizar o diagnóstico da forma mais rápida.”

Estágios de desenvolvimento do carrapato, vetor da doença de Lyme e febre maculosa

Justin Bieber, Avril Lavigne e até Darwin

Segundo o relato de Bieber, os médicos não conseguiram identificar rapidamente a causa de seus sintomas e além de tomar um coquetel de medicamentos diversos, o cantor acabou desenvolvendo uma mononucleose crônica.

Em 2015, Avril Lavigne também foi diagnosticada com a doença. As irmãs Gigi e Bella Hadid, bem como a mãe Yolanda e o irmão Anwar Hadid também contraíram a doença e, segundo o TMZ, ajudaram Bieber a entender os sintomas e como combatê-los.

Em casos extremos, a doença pode levar a óbito e, segundo um estudo de 2019, é possível que o biólogo britânico Charles Darwin tenha morrido da doença de Lyme, em 1882.

“Casos agudos podem desencadear encefalites, meningite, comprometimento do cérebro e quadros mais graves, como miodicardite (inchaço do coração) e alterações mais sérias”, completou Gorinchteyn.