Pai de MC Kevin acredita que o filho caiu em uma ‘emboscada’

‘Não consegui engolir esse negócio do meu filho cair lá de cima’, disse Agnaldo Bueno em áudio

  • Por Jovem Pan
  • 22/05/2021 15h50 - Atualizado em 22/05/2021 16h19
Reprodução/Instagram/agnaldo_bueno5/22.05.2021 Para Agnaldo Bueno, as investigações da morte de MC Kevin serão longas

Agnaldo Bueno, pai do cantor MC Kevin, quer explicações sobre o que levou o filho a cair do 5º andar de um prédio na Barra da Tijuca, Rio de Janeiro. “Para mim, foi uma emboscada que aconteceu porque esse negócio está estranho, está muito estranho. A investigação vai ser longa, está na mão de Deus e da polícia. Vamos ver o que eles vão resolver. Tem que achar uma câmera, alguma coisa, porque até hoje eu não consegui engolir esse negócio do meu filho cair lá de cima. Está difícil para mim e para a Val [mãe de Kevin] também”, afirmou Agnaldo em áudios enviados ao jornalista Luiz Bacci, que divulgou-os nos stories do Instagram neste sábado, 22. O funkeiro não resistiu à queda e morreu no último domingo, 16, aos 23 anos. O caso está sendo investigado pela Polícia Civil do Rio de Janeiro e ainda não se sabe o que de fato aconteceu. Uma das teorias é a que Kevin estava traindo Deolane Bezerra com Bianca Dominguez, que, em depoimento à polícia, disse que recebeu cerca de R$ 2 mil para ter relações sexuais com o cantor. Ele teria ido para a varanda do apartamento por desespero, após seus amigos, MC VK e Jhonatas Cruz, falarem que alguém estava indo até o quarto. VK e Jhonatas divulgaram vídeos negando envolvimento na queda do cantor. No velório do funkeiro, Deolane fez um discurso dizendo que havia brigado com Kevin pelo fato dele estar bancando os amigos no Rio de Janeiro, pois, segundo ela, eles deveriam estar voltando a São Paulo.