Patrícia Poeta processa empresa de produto emagrecedor por usar sua imagem

  • Por Jovem Pan
  • 22/08/2017 16h10
Patrícia Poeta esclareceu caso em suas redes sociais

Patrícia Poeta entrou na Justiça contra a empresa Nutreo Comércio Produtos Homeopáticos, responsável por produzir o produto emagrecedor chamado “Cactínea”. Em suas redes sociais, a apresentadora explicou o caso e afirmou que sua imagem foi usada indevidamente na propaganda do produto.

“De uns tempos para cá tenho recebido milhares de mensagens e perguntas de muitos de vocês, já que tem gente se aproveitando e usando minha imagem na internet para vender remédios para emagrecer. Não tomei cactínea e nenhum desses produtos ditos ‘milagrosos’. Sequer conheço eles”, esclareceu Poeta.

A apresentadora ainda expressou preocupação com aqueles que compraram o produto pelo uso de sua imagem e explicou a decisão de processar a empresa.

“Fico preocupada ao saber que muitos de vocês compram esses medicamentos acreditando que tomei de fato. Não é verdade. Longe disso… como cidadã e pessoa pública é meu dever entrar na Justiça contra esses criminosos e alertar o consumidor de boa fé”, falou.