Após sete dias, príncipe Charles termina quarentena com ‘boa saúde’

Governo britânico recomenda isolamento de uma semana para quem apresenta sintomas de Covid-19 e de 14 dias para parentes que não têm

  • Por Jovem Pan
  • 30/03/2020 11h41
Reprodução/InstagramPríncipe Charles testou positivo para coronavírus na quarta-feira passada

O príncipe Charles, de 71 anos e primeiro na linha de sucessão do trono britânico, encerrou o isolamento de sete dias e apresenta “boa saúde” após ter sido diagnosticado com o novo coronavírus.

“Após consultar seu médico, o príncipe de Gales está fora de seu isolamento”, afirmou um porta-voz da Clarence House, residência do primogênito mais velho de Elizabeth II.

O filho da rainha estava em quarentena em Balmoral, na Escócia, desde que na quarta-feira passada testou positivo, apresentando “sintomas leves”.

A esposa de Charles, Camila, também se isolou na residência escocesa de Birkhall, mas testou negativo nos exames aos quais foi submetida. No entanto, continuará confinada, seguindo as instruções do governo britânico, que recomenda o isolamento de sete dias para quem apresenta sintomas e de 14 dias para os parentes que não têm.

A rainha Elizabeth II, de 93 anos, se mudou no dia 19 de março do palácio de Buckingham, em Londres, para Windsor, sua residência de fim de semana, como medida de precaução devido à idade avançada.

O número de mortes pela doença Covid-19 no Reino Unido já chega a 1.228. De acordo com o último balanço, o país contabiliza 19.784 pessoas infectadas.

*Com Agência EFE