Uma Thurman quebra silêncio sobre Weinstein e indica ter sofrido assédio em Hollywood

  • Por Jovem Pan
  • 24/11/2017 11h43
Reprodução/ InstagramUma Thurman trabalhou diversas vezes com Harvey Weinstein ao longo da carreira

Depois de se manter em silêncio sobre as acusações contra Harvey Weinstein, Uma Thurman, que trabalhou em 7 filmes produzidos pela empresa do produtor, usou o Dia de Ação de Graças para falar sobre os casos envolvendo Weinstein.

No Instagram, ela postou uma foto em que aparece como Noiva, a personagem vingativa de “Kill Bill”, ao desabafar sobre as acusações. Anteriormente, Thurman havia dito que não falaria sobre o caso até se sentir “menos brava” com isso.

“Sou grata hoje por estar viva, por aqueles que amo e por aqueles que têm coragem de enfrentar outros. Eu disse que estava brava recentemente e eu tenho algumas razões. Eu sinto que é importante ter o seu tempo, então… feliz Dia de Ação de Graças para todos! (menos para você, Harvey, e seus conspiradores perversos – eu estou feliz que isso esteja acontecendo devagar – você não merece uma bala”, escreveu.

No post, a atriz ainda revelou ter sido vítima de assédios dentro de Hollywood, mas não especificou se eles vieram de Weinstein. Ela usou a hashtag #metoo (eu também), que foi usada por mulheres do meio do entretenimento para indicar que já haviam passado por situações de abuso e assédio no local de trabalho.

“#Eu Também, caso vocês não tenham notado a expressão no meu rosto”, escreveu ao finalizar com: “fiquem ligados”.