“Fiz uma cobertura perfeita”, acredita Sonia Abrão sobre o Caso Eloá

  • Por Jovem Pan
  • 01/09/2015 11h54
Sônia Abrão e Rafael Ilha

A jornalista Sonia Abrão negou que tenha se arrependido de alguma ação durante a cobertura do sequestro e assassinato da jovem Eloá Pimentel, em Santo André (SP) em 2008. Questionada pela repórter Helen Braun durante o Morning Show desta terça-feira (1ª), Sonia enalteceu o próprio trabalho. “De jeito nenhum (me arrependi), fiz uma cobertura perfeita, isso que as pessoas não aceitam”, falou.

Na ocasião, a apresentadora da RedeTV! entrevistou Lindemberg Alves, o ex-namorado e sequestrador de Eloá, ao vivo enquanto ele mantinha um revólver na cabeça da jovem e da amiga Nayara Rodrigues.

A jornalista foi muito criticada na ocasião e acusada de irresponsabilidade e sensacionalismo durante a cobertura do cárcere privado. Sonia Abrao fez perguntas íntimas para o criminoso e segurou a audiência por mais de vinte minutos. Perguntou sobre a infância e sobre o fato de Lindemberg ter crescido sem pai.

“Você é um cara legal, mas neste momento ninguém entende o que passa na sua cabeça”, falou para ele no ar.

Sonia participou do Morning Show, junto ao ex-Polegar Rafael Ilha, para divulgar o livro “Rafael Ilha – Pedras do Caminho”, que será lançado nesta quarta-feira (2) em São Paulo.