Gil do Vigor sofre ataque homofóbico de conselheiro do Sport e lamenta: ‘Machuca muito’

O Leão, através de comunicado divulgado nas redes sociais, condenou a postura de seu conselheiro e disse que tratará o assunto internamente

  • Por Jovem Pan
  • 14/05/2021 18h02 - Atualizado em 14/05/2021 18h24
Reprodução/SportGil do Vigor ganhou a camisa do Sport e conheceu a Ilha do Retiro

Gilberto Nogueira, participante do “BBB 21”, foi vítima de ofensas homofóbicas proferidas por Flávio Koury, conselheiro do Sport que ficou revoltado com uma dança feita pelo pernambucano em sua visita à Ilha do Retiro. Através das redes sociais, Gil do Vigor, como ficou conhecido durante sua participação no reality show da TV Globo, disse ter se incomodado com as declarações. “Primeiro ataque homofóbico que me deparo após o BBB e posso garantir, ainda machuca MUITO! Mas sigo firme e providências serão tomadas. Tirando o dia off para não perder minha alegria por tudo que venho vivendo…… É muita dor!”, escreveu o economista.

Em áudio vazado e publicado pelo Blog do Jamildo, o conselheiro critica a postura de Gil do Vigor com declarações homofóbicas. “Se ele tivesse feito essa dancinha na casa dele ou no bordel, ou onde ele quisesse, eu não estava nem aí. Mas foi dentro da Ilha do Retiro, né rapaz. Isso é uma desmoralização. Isso é ausência de vergonha na cara. É isso que a gente está vivendo. Esses tempos novos, é isso. Não tem mais respeito. Filho não respeita pai, pai não respeita filho, não respeita irmão. Não tem amigo. É a depravação”, disse o advogado. Já o Leão, através de comunicado divulgado nas redes sociais, condenou a postura de seu conselheiro e disse que tratará o assunto internamente. “O Sport Club do Recife é de todos. Gil do Vigor é e será sempre um legítimo representante das cores do Sport. Um clube plural, do povo. A maior torcida do Norte/Nordeste. Não segregamos quem ama o Sport. O amor que une nossa torcida ao clube é incondicional. O Sport e o Conselho Deliberativo garantem que todas as providências estão sendo tomadas para que todo e qualquer ato de preconceito seja devidamente penalizado. Obrigado Gil, por levar o nome do Sport pra todo o mundo. Pelo Sport Tudo!”

Ouça o áudio abaixo: