Justiça argentina pede prisão da estrela pop Justin Bieber

  • Por EFE
  • 10/04/2015 14h41
Justin Bieber loiro

Buenos Aires, 10 abr (EFE).- A justiça da Argentina pediu nesta setxa-feira a prisão internacional da estrela pop Justin Bieber e de dois de seus seguranças, por terem agredido um fotógrafo no país.

O juiz Alberto Baños solicitou à Interpol a “imediata detenção” do cantor canadense Justin Bieber e de seus seguranças Hugo Alcides Hesny e Terrence Reche Smalls, após vencer o prazo para que se apresentassem voluntariamente para depor.

Bieber (21) e os seguranças foram denunciados por incidentes registrados em 9 de novembro de 2013 na boate Ink, no bairro de Palermo, Buenos Aires.

Eles são acusados de agredir um fotógrafo e tomar sua câmera, assim como de sair da boate sem pagar pelo consumo.

Um juiz já tinha pedido em novembro do ano passado que a Interpol localizasse e notificasse os três para que se apresentassem para depoimento em até 60 dias, sob ameaça de pedir sua prisão. EFE