Justin Bieber se declara inocente de acusações em tribunal de Miami

  • Por Agencia EFE
  • 29/01/2014 22h38

Miami, 29 jan (EFE).- O cantor canadense Justin Bieber se declarou “inocente” das acusações que enfrenta em uma corte de Miami por dirigir sob a influência de substâncias tóxicas, em velocidade excessiva e por ter resistido à autoridade sem violência.

A declaração de inocência foi apresentada por escrito nesta quarta-feira pela defesa do cantor, que será acusado formalmente no dia 14 de fevereiro em uma audiência presidida pelo juiz William Altfield, informaram fontes judiciais.

Bieber, de 19 anos, foi detido na quinta-feira passada em Miami Beach por supostamente competir com um Lamborghini em uma corrida ilegal sob a influência de substâncias tóxicas, a uma velocidade excessiva. Segundo fontes policiais, o cantor também resistiu à detenção.

Bieber admitiu aos policiais, após sua detenção, que tinha fumado maconha, bebido algumas cervejas e ingerido pastilhas de prescrição antes de ser detido, segundo a polícia, em cujo relatório assinala que “cheirava fortemente a álcool”. EFE