Aos 55, morre irmã do cantor Chorão

  • Por Jovem Pan
  • 25/01/2015 14h38
Reprodução/Instagram

Tânia Wilma Abrão, irmã de Alexandre Magno Abrão, o Chorão, morreu na noite deste sábado (24) devido a complicações de um aneurisma cerebral. A informação foi dada pela prima, a apresentadora Sônia Abrão, pelo Instagram.

“Minha prima Tânia se foi. Vai ficar pra sempre ao lado do Chorão, o irmão tão amado. É dor demais para uma família”, relatou a jornalista pelas redes sociais. A morte do roqueiro foi noticiada em março de 2013.

A irmã de Chorão tinha 55 anos e chegou a ser internada em um hospital de Santos, onde a família mora, após um derrame cerebral. A expectativa era de que o corpo seja cremado, após velório no  Memorial Necrópole Ecumênica de Santos.

Em entrevista ao Ego, um dos irmãos de Tânia e Chorão, comentou que o AVC da primogênita pode ter ocorrido devido ao stress sentido por ela e pela família após a morte do fundador da banda Charlie Brown Jr, já que o filho do roqueiro,  Alexandre, teria entrado na Justiça para cortar a mesada da avó, Nilza. “A Tânia ficou muito triste com toda essa situação. Ela era advogada, apesar de não exercer, e foi ela quem decidiu entrar na Justiça contra o Alexandre, que cortou tudo da avó e não quis lhe dar o apartamento formalmente”, disse Ricardo Abrão ao site.