Após acusação de racismo, paródia de Kéfera para “Work”, de Rihanna, é retirada do ar

  • Por Jovem Pan
  • 15/04/2016 11h42
Reprodução<p>Atriz se disse surpresa com o bloqueio do vídeo e classificou as críticas como inveja</p>

A semana não está nem um pouco fácil para o lado de Kéfera. Desde que a YouTuber publicou em seu canal uma paródia da música “Work”, da parceria de Rihanna com Drake, ela vem sofrendo com as acusações de racismo pela suspeita do namorado ter feito black face para interpretar o rapper.

Acumulando cerca de três milhões de visualizações, na noite da última quinta-feira (15), cerca de 24 horas depois da postagem, o vídeo foi retirado do ar. “Essa paródia tá amarrada no capeta, não é possível! A Warner bloqueou o vídeo de ser visto! Por direitos autorais, mesmo não estando monetizada. Eu vou me benzer depois disso. Uma pena uma atitude injusta dessas”, lamentou em seu Twitter.

Antes disso, ela também já havia criticado a polêmica que se criou: “A grande maioria amou, porém tivemos uma minoria barulhenta que me acusou. Tiveram algumas pessoas, na sua maioria negras, que se disseram ofendidas eu só queria, por favor, que vocês me passassem qual é o trecho que eu ofendi vocês. Em nenhum momento teve nenhuma discriminação, nenhuma brincadeira com negros”.

A atriz considerou ainda que seu sucesso incomoda as pessoas: “vocês têm muita dificuldade de aceitar quando uma pessoa é bem sucedida em alguma coisa, não é porque vocês se incomodam com o sucesso alheio que as pessoas vão parar de fazer sucesso, o problema tá com você, não tá comigo não”.

Como forma de driblar o bloqueio, Kéfera resolveu postar a produção em sua página no Facebook e já está próximo de alcançar 1 milhão de acessos na plataforma.