Após polêmica com #EleNão, Roger Waters chora ao ser ovacionado no DF; assista

  • Por Jovem Pan
  • 15/10/2018 08h46
ReproduçãoRoger Waters foi às lágrimas em show no Distrito Federal

Roger Waters, em série de shows pelo Brasil, passou por um turbilhão de emoções. Depois de ser vaiado e dividir opiniões em show em SP ao exibir “Ele Não” no telão, em crítica ao candidato à Presidência pelo PSL, Jair Bolsonaro, o líder do Pink Floyd voltou a fazer protestos políticos no Distrito Federal, no domingo (14).

O cantor e compositor exibiu novamente no telão os dizeres “ponto de vista político censurado” onde exibiu o nome de Bolsonaro em primeiro show e dividiu mais uma vez a plateia entre vaias e aplausos.

No DF, ele também mostrou a frase “nem foden**” após perguntar ao público “Should I trust the government?” (“devo confiar no governo?”, em tradução livre).

A marca do show, no entanto, ficou para a emoção de Waters ao ser ovacionado pela plateia. Apesar dos anos de estrada, ele foi às lágrimas e agradeceu o carinho.

Roger ainda fará cinco shows no Brasil com a turnê Us + Them: Salvador (17 de outubro), Belo Horizonte (21 de outubro), Rio de Janeiro (24 de outubro), Curitiba (27 de outubro) e Porto Alegre (30 de outubro).