Apple paga US$ 25 milhões em documentário de Billie Eilish, diz site

De acordo com o ‘The Hollywood Reporter’, documentário sobre o ano de Billie Eilish irá para a AppleTV+

  • Por Jovem Pan
  • 09/12/2019 18h10
DivulgaçãoDocumentário sobre Billie Eilish foi comprado pela Apple

A Apple pagou US$ 25 milhões (cerca de R$ 103 milhões) pelos direito de um documentário sobre Billie Eilish. A informação é do site The Hollywood Reporter.

Segundo a publicação, a produção será disponibilizada no AppleTV+, serviço de streaming da empresa. O documentário já foi gravado e mostra os bastidores da vida de Billie Eilish em 2019, ano em que ela lançou o álbum de estreia “When We All Fall Asleep, Where Do We Go?”.

A produção custou cerca de US$ 2 milhões (R$ 8 milhões), o que significa um lucro de US$ 23 milhões (R$ 95 milhões) com a venda dos direitos. Para efeitos de comparação, a Netflix pagou US$ 20 milhões (R$ 82 milhões) em “Homecoming”, documentário que mostra o show de Beyoncé no Coachella de 2018.

Ainda não há previsão de estreia do documentário de Billie Eilish na AppleTV+. A cantora, aliás, está em alta com a empresa: ela venceu três das cinco categorias do Apple Music Awards, incluindo a de artista do ano, e se apresentou no Steve Jobs Theater, na sede da companhia, na semana passada.