Ariana Grande é duplamente acusada de plágio; entenda

Na última sexta (18) a cantora Ariana Grande estourou a internet com seu mais novo single “7 Rings”. A música bateu recorde no Spotify e se tornou a maior estreia feminina da história do aplicativo. Mas, como nem tudo são flores, a cantora está sendo duplamente acusada de plágio.

  • Por Jovem Pan
  • 20/01/2019 13h57
Reprodução Ariana Grande, Soulja Boy e Princess Nokia, respectivamente

Na última sexta (18) a cantora Ariana Grande estourou a internet com seu mais novo single “7 Rings”. A música bateu recorde no Spotify e se tornou a maior estreia feminina da história do aplicativo. Mas, como nem tudo são flores, a cantora está sendo duplamente acusada de plágio.

Logo após o lançamento da música, boatos começaram a se espelhar dizendo que o single era muito parecido com o hit “Pretty Boy Swag”, de Soulja Boy. A rapper Princess Nokia também mostrou que não ficou nem um pouco satisfeita com o novo som de Ariana. A cantora usou o Instagram para acusa Ariana Grande de plágio. “Isso soa familiar para você? Porque esse som é muito familiar para mim. Não é aquela música que eu fiz sobre mulheres de cor e seus cabelos?”, questionou a cantora em um vídeo que, posteriormente, foi deletado.

Poucas horas depois da declaração de Nokia, foi a vez de Soulja Boy se manifestar. Bem irônico, ele pediu créditos pela música, respondendo um tweet em que Ariana agradecia suas amigas pela ajuda na criação. “Me dê meu crédito. Ponto”, escreveu o cantor no Twitter. A resposta deu início a uma série de publicações em que ele acusa Ariana de “ladra” e pede que ela “pare de roubar” o seu swag.

Até o momento Ariana Grande não se manifestou.