Briga entre Chorão e Marcelo Camelo completa 15 anos; relembre

  • Por Jovem Pan
  • 02/07/2019 16h26
Reprodução/TV GloboMarcelo Camelo tomou uma cabeçada de Chorão em uma briga em 2004

Esta terça-feira (2) marca os 15 anos da briga entre o cantor Chorão, do Charlie Brown Jr., e Marcelo Camelo, vocalista do Los Hermanos. Em 2 de julho de 2004, os dois trocaram socos no aeroporto de Fortaleza, no Ceará.

Segundo uma nota emitida pela assessoria de imprensa do Los Hermanos na época, Chorão deu cabeçada e um soco no rosto de Marcelo. Rodrigo Amarante, colega de banda de Camelo, atingiu o líder da banda santista no rosto e foi perseguido por ele. O motivo da pancadaria teria sido as críticas que o vocalista fez ao Charlie Brown Jr.

Em 2009, Chorão foi ao programa “Ensaio”, da TV Cultura, e contou sua própria versão da briga. “Toda a entrevista que ele dava ele falava. Parece que ele me pegou pra ser a referência do que não era bom”, disse sobre Camelo, afirmando que foram os músicos cariocas que começaram a briga.

Ainda no programa, ele disse que se sentia perseguido pelo líder do Los Hermanos, mas não tinha nada contra o músico. “Camelo, eu te amo. Sem você o Brasil não seria o mesmo”, falou.

Veja o vídeo abaixo, a partir dos 28:57:

Depois da repercussão, o caso foi parar na Justiça. Segundo o site R7, Chorão foi condenado a pagar R$ 2,5 mil e os custos da internação de Camelo, que somaram R$ 7.560,76. Em 2008, ele pagou R$ 6 mil ao músico.

Em São Paulo, a produtor Amor e Folia, do Los Hermanos, entrou com outro processo contra o vocalista do Charlie Brown Jr., mas perdeu a disputa porque o juiz entendeu que Marcelo Camelo também teve culpa na briga.

Chorão morreu em 6 de março de 2013, vítima de uma overdose de cocaína. Já Marcelo Camelo continua com o Los Hermanos. A banda fez uma turnê de reunião neste ano, que terminou em maio com show em São Paulo.