Chris Brown tem condicional prorrogada e pode voltar para prisão

  • Por Jovem Pan
  • 16/01/2015 07h53
Divulgação

Chris Brown participou de uma audiência na corte de Los Angeles nesta quinta-feira (15), e o que ele ouviu lá não o deixou muito feliz. Para começar, ele teve a condicional prorrogada porque o juiz encarou como suspeitos os dois tiroteios que aconteceram em dois shows do rapper. O primeiro aconteceu no mês de agosto, enquanto ele estava no palco, e deixou várias pessoas feridas, inclusive outra cantora, Suge Knight. O segundo aconteceu na última semana em um show na cidade de San Jose , e deixou cinco pessoas machucadas.

Outro fator que fez o juiz tomar esta decisão é que Chris não pedi autorização da corte para deixar Los Angeles para fazer o show em São José, violando, portanto, os termos da condicional, devendo retornar à prisão. O advogado do cantor, porém, assumiu a culpa pela ação dele, dizendo que sua equipe passou a informação incorreta de que ele poderia sair da cidade sem pedir autorização. Outra audiência está marcada para o dia 20 de março, e se ficar definido que ele saiu de Los Angeles sabendo que não poderia fazer isso, pode voltar a ser preso.