Cinco coisas que sabemos sobre "Witness", novo álbum de Katy Perry

  • Por Jovem Pan
  • 15/05/2017 16h17
Reprodução

O novo álbum de Katy Perry não é mais segredo para ninguém. A cantora revelou que “Witness”, seu quarto trabalho de estúdio, será lançado no dia 9 de junho, para a alegria dos fãs que esperaram ansioso por novidades nos últimos quatro anos.

A última vez que a norte-americana lançou um álbum foi em 2013, quando “Prism” chegou às lojas junto de hits como “Roar” e “Dark Horse”. Mas o que será que o disco inédito irá trazer de diferente? Será que terá uma qualidade superior ao seu antecessor?

A Jovem Pan vem acompanhando a vida da cantora praticamente todo o dia desses últimos quatro anos. Teve muito namoro como John Mayer e Orlando Bloom, turnê e rixa com Taylor Swift, além da canção “Rise”, lançada para embalar a equipe dos Estados Unidos nos Jogos Olímpicos Rio 2016.

Confira tudo o que sabemos sobre “Witness”:

Dois singles já são conhecidos

Katy já lançou duas músicas como singles de “Witness”. A primeira foi “Chained To The Rhythm”, que contou com uma boa aceitação do público. A faixa ganhou um videoclipe bem colorido, com um visual que remetia à década de 50, mas com tons futuristas no cenário. Já “Bon Appétit” não teve a mesma sorte. A música estreou apenas na 76ª colocação da Billboard Hot 100. Com o clipe lançado, talvez o resultado na lista melhore.

Witness também deve ser um single

Katy usou as redes sociais para mostrar trechos de algumas de suas canções nos últimos meses. Uma delas é a faixa-título do disco, “Witness”. A letra da música fala sobre seguir um caminho ao lado de uma pessoa especial.

Produtores de sucesso

Em busca de manter a qualidade de suas músicas, Katy Perry escolheu um bom time para produzir “Witness”. Max Martin (Roar, Dark Horse, Part Of Me, Hot n Cold), Shellback e Greg Wells.

O álbum terá teor político

“Witness” trará letras políticas. Katy Perry foi uma grande apoiadora de Hillary Clinton na última eleição dos Estados Unidos e segundo o jornal “The Sun”, ela espera que suas músicas possam inspirar a cura, a paz e a união após a vitória de Trump.

Colaborações de diferentes gêneros

O novo álbum deve contar com colaborações de diferentes gêneros. Em “Chained To The Rhythm”, o reggae de Skip Marley, neto de Bob Marley, deu o tom da canção. O trio Migos, por sua vez, foi o escolhido para acompanhar Katy em “Bon Appétit”. Boatos afirmavam que Ariana Grande também terá um faixa em colaboração com Perry.