Depois de críticas de Kelly Clarkson, equipe de Dr. Luke rebate com ironia

  • Por Jovem Pan
  • 08/03/2016 16h21
Divulgação<p>Cantora revelou ter sido forçada a trabalhar com o produtor</p>

Envolvido em um processo judicial com Kesha e criticado veementemente pela classe artística, as coisas não estão muito boas para o lado de Dr. Luke nas últimas semanas.

Quem também saiu em defesa da cantora e contou não considerar o produtor uma boa pessoa, foi Kelly Clarkson, que trabalhou com ele em meados de 2004 e afirmou ter sido até chantageada.

Com mais esta bomba, a equipe de Luke rebateu de forma subliminar os comentários da loira, através do site Digital Spy e com memórias do livro de Clive Davis, “The Soundtrack of My Life”, lançado há três anos e que relata o trabalho realizado por eles.

O texto começa falando sobre a suposta ajuda que o produtor teria dado para alavanca-la em sua carreira, já que as músicas “Since U Been Gone” e “Behind These Hazel Eyes” foram inicialmente pensadas para Britney Sears ou Backstreet Boys, mas que ele interveio e defendeu o nome dela.

“Como eu tinha um relacionamento com ele, pude acalmá-lo e consegui argumentar. Disse que ele precisava dar esta chance e ele concordou”.

Outra parte indica que os problemas de relacionamento teriam sido por conta do ego da cantora, que havia acabado de vencer um reality show musical e estava estourada no mercado.

“Max e Luke são uma dupla forte em estúdio e insistentes em conseguir os melhores vocais. Foi difícil para ela, que vinha do alto de sua vitória no ‘American Idol’ e com um disco de platina duplo. Você é jovem, todo mundo lhe reconhece e essa atenção atinge os vencedores do Idol. Aí você está em um mundo completamente diferente, fazendo músicas em estúdio e precisa ser dirigido. Kelly não gostou. Eles estavam decididos a conseguir a melhor apresentação dela e ela ficou na defensiva. Da perspectiva dela, ela teve uma horrível experiência em estúdio. Ela nunca trabalharia com eles novamente, ela já disse. Depois de todo o trabalho feito eu ouvi as faixas e achei o trabalho incrível”.