Drake é impedido de jogar em cassino e indica racismo

  • Por Jovem Pan
  • 03/11/2018 14h53 - Atualizado em 03/11/2018 14h53
Reprodução/InstagramDrake já perdeu cerca de R$ 1 milhão em cassinos

O rapper Drake disse que foi “analisado” por funcionários de um cassino no Canadá, neste sábado (3) e teria sido impedido de jogar, indicando ter sofrido preconceito racial.

Em seu Instagram, o cantor se referiu ao Parq Vancouver Casino como “o pior negócio que já presenciei”. “Eu tinha tudo o que eles originalmente me pediam [para jogar]”, escreveu.

Aos 32 anos, Drake ainda não se pronunciou oficialmente. Este ano, ele lançou o álbum “Scorpion”, alcançando com “God’s Plan” o primeiro lugar entre as músicas mais tocadas nos Estados Unidos.

Em setembro e outubro, o rapper perdeu cerca de R$ 1 milhão durante duas noitadas em cassinos.