Elba Ramalho interrompe gritos de ‘Fora, Bolsonaro’ em show: ‘Isso aqui não é um comício’

Cantora se apresentava na Festa de São João, em Salvador, quando o público começou a se manifestar politicamente; assista

  • Por Jovem Pan
  • 27/06/2022 10h21 - Atualizado em 27/06/2022 10h21
Reprodução/TVE Elba Ramalho com um microfone na mão e o braço levantado Elba Ramalho disse que show não era comício, mas público seguiu se manifestando

A cantora Elba Ramalho tentou interromper as manifestações políticas do público no show que realizou no último domingo, 26, na Festa de São João, que aconteceu no Parque de Exposições, em Salvador, na Bahia. Quando a plateia começou a gritar “Fora, Bolsonaro”, a artista declarou: “Não quero fazer política, desculpa. Isso aqui é um show de São João, não é um comício”. O público começou a gritar mais forte e Elba tentou seguir com sua apresentação. “Vamos mostrar um clipe para vocês porque o vírus veio de longe, caminhou quilômetros, chegou em todos os lugares do mundo, todo mundo sofreu bastante. Calma aí, gente, que eu também estou vendo pela primeira vez”, disse a cantora.

O público, no entanto, ignorou a artista e começou a gritar: “Olê, olê, olê, olá, Lula, Lula”. Elba pediu para não exibirem o clipe e comentou: “Vou esperar eles pararem”. As pessoas continuaram gritando por mais um tempo e, quando pararam, a artista falou: “Estou esperando, a plateia está se manifestando. Como a gente vive em um país democrático, a gente tem que deixar eles se manifestarem. Cada um tem o presidente que merece, é verdade, isso é um fato”. Na sequência, ela seguiu com o show.