Em ‘Hurts2BHuman’, Pink mostra por que se mantém relevante no mundo pop

Novo álbum da cantora, seu oitavo de estúdio, está disponível nas plataformas de streaming

  • Por Jovem Pan
  • 26/04/2019 10h33
Reprodução/FacebookPink mostra que maturidade tem espaço no mundo pop

Fazer sucesso no mundo da música pop é muito difícil, mas se manter relevante com uma carreira duradoura é um desafio ainda maior. E é exatamente isso que Pink mostra, disco após disco, ser capaz de atingir como ninguém. Em seu oitavo álbum, “Hurts2BHuman”,  – seu último lançamento era “Beautiful Trauma, de 2017 -, ela consegue mostrar como conseguiu se reinventar e continuar em destaque após vinte anos de lançamentos.

Ao longo de 13 faixas, Pink navega por aquilo que ela faz de melhor: a facilidade e franqueza ao falar de problemas da vida adulta. Desde fases complicadas com o casamento, família, até questionamentos sobre a sociedade e espaço que ocupa no mundo.

No disco, Pink ainda convoca parcerias bem diferentes entre si, que navegam pelo pop, eletrônico e também pelo country, com Khalid, Cash Cash, Wrabel e Chris Stapleton.

Vale destacar que a cantora virá pela primeira vez ao Brasil, com show no Palco Mundo do Rock In Rio deste ano – os ingressos, no entanto, já estão esgotados.

Ouça na íntegra: