“Isso deveria ser um bom exemplo?”, diz Miley Cyrus sobre clipe de Taylor Swift

  • Por Jovem Pan
  • 08/08/2015 18h12
Divulgação/Marie Claire<p>Edição chega às bancas no fim deste mês</p>

Se tem uma coisa que Miley Cyrus não se importa é em criar polêmica. A cantora é capa da edição de setembro da revista Marie Claire americana e deu uma entrevista com muitas alfinetadas.

Entre cliques para o ensaio da publicação, a cantora não perdeu a oportunidade de entrar na briga do ano e aproveitou para criticar o clipe “Bad Blood” de Taylor Swift, que tem sido considerado uma espécie de resposta a Katy Perry.

“Se isso é sobre a Katy Perry, eu realmente não entendo que violência seja uma boa forma de vingança. Isso deveria ser um bom exemplo? E eu sou o péssimo modelo de garota porque saio por aí com meus seios de fora?! Eu não sei como seios podem ser piores do que armas”, disse, fazendo referência às fotos que ela tem publicado em sua conta no Instagram.

Ainda falando sobre a indústria musical, ela completou. “Existe muito sexismo. Se o Kendrick Lamar canta sobre LSD, ele é legal. Se eu faço o mesmo, sou uma vagabunda drogada”.

Miley, que assumiu um namoro recente com a modelo Stella Maxwell, também não teve problemas em comentar sobre sua sexualidade e as transições que tem vivido nos últimos anos. “Eu me sinto um garoto de 15 anos de idade aprisionado no corpo de uma menina de 22 anos”, revelou.