Katy Perry diz que fazia protestos e entregava panfletos religiosos em shows de Madonna

  • Por Jovem Pan
  • 14/04/2017 10h52
Reprodução/ Vogue

Muito antes de cantar que “beijou uma garota e gostou”, Katy Perry teve uma rigorosa formação religiosa e, mais de uma vez, foi vista em portas de shows fazendo protestos e distribuindo panfletos religiosos.

A cantora lembrou do passado em entrevista para a revista Vogue, da qual é capa neste mês. “Só sei quem eram Madonna e Marilyn Manson porque fazia protestos nos shows deles”, contou.

Katy chegou a distribuir panfletos de “Como Encontrar Jesus” na porta de uma apresentação de Marilyn Manson na Califórna e acabou se rendendo à curiosidade e assistindo ao show do cantor, que ela descreveu como “realmente interessante e esquisito”.

Com a criação religiosa, o primeiro álbum lançado pela cantora, em 2001, teve um repertório inteiramente gospel e de rock cristão. Na entrevista ela explicou: “minha vida era igreja na manhã de domingo, igreja na noite de domingo, igreja na noite de quarta-feira. Você não comemora o Dia das Bruxas, Jesus dá os presentes de Natal… Essa foi minha infância e juventude”.

Delighted to be @VogueMagazine’s May cover girl wearing all Comme des Garçons. ?the link to the full cover story in profile.

Uma publicação compartilhada por KATY PERRY (@katyperry) em Abr 13, 2017 às 6:30 PDT