Mac Miller morreu por ‘toxicidade mista de drogas’, aponta laudo

  • Por Jovem Pan
  • 05/11/2018 14h57
Reprodução/FacebookO cantor foi encontrado morto na sua casa em Los Angeles

O laudo toxicológico apontou que o rapper norte-americano e ex-namorado da cantora Ariana Grande Mac Miller, morreu em decorrência da mistura de Fentanil e cocaína. Segundo a revista Variety, o relatório do legista ainda afirma que no dia da morte o cantor tinha álcool no sangue.

“Malcolm McCormick, o músico conhecido como Mac Miller, foi encontrado morto por toxicidade mista de drogas”, afirma o laudo.

Mac Miller foi encontrado pelas autoridades inconsciente em sua casa em Los Angeles em setembro. Ainda segundo o relatório de perícia, foi declarado morto ali mesmo às 11:51 da manhã.

“Mais tarde foi determinado que a causa da morte de McCormick foi uma mistura de drogas tóxicas (Fentanil, cocaína e etanol), encerra.

Mac já havia se pronunciado publicamente sobre seu vício em drogas – uma possível recaída, por sinal, teria motivado a separação dele com Ariana.