Madonna se emociona ao lembrar adoção dos filhos: "é complicado, mas vale a pena"

  • Por Jovem Pan
  • 06/09/2017 12h12
Divulgação/ People

Mãe de 6 filhos – 2 biológicos e 4 adotados no Malawi -, Madonna abriu o coração ao falar sobre a maternidade e se emocionou ao relembrar o processo de adoção de David, Mercy James e as gêmeas Estere e Stella.

Em entrevista à People, a rainha do pop contou que todos os processos foram extremamente desgastantes, mas recompensadores no final. “Como sou uma figura pública, as pessoas não querem dar a entender que eu tenho algum tratamento especial, então eu pego a estrada difícil. É complicado, mas vale a pena”, declarou.

A cantora lembrou que a primeira adoção, de David em 2008, foi a mais difícil principalmente pela repercussão negativa que ela teve que encarar da mídia. “Todos os jornais diziam que eu havia sequestrado ele. Na minha cabeça, estava pensando: ‘estou tentando salvar a vida de alguém. Porque vocês estão jogando m* em mim agora?’. Fiz tudo conforme manda a lei. Foi um ponto baixo para mim. Chorava para dormir todos os dias”, lembrou.

Um ano depois, Madonna voltou ao Malawi para a adotar Mercy James, mas foi acusada de ser incapaz de cuidar da menina por conta de seu divórcio com Guy Ritchie. “O jeito como fui tratada foi horrível. Tive momentos muito ruins, mas sou uma sobrevivente”, declarou.

A adoção das gêmeas Estere e Stella não foi menos complicada. Depois de um processo desgastante, a cantora conseguiu a guarda das pequenas em fevereiro deste ano. Os filhos, no entanto, não associam Madonna à rainha do pop e, para a cantora, está ótimo assim. “Eles não fazem ideia, mas é bom. Sou apenas a mãe deles”, falou.