Mãe da Kesha diz que Max Martin ouviu Dr. Luke ameaçando a filha

  • Por Jovem Pan
  • 11/02/2016 19h44
Reprodução/Instagram

Em pé de guerra com seu produtor e empresário desde meados de 2013, Kesha está lutando na justiça para se ver livre do contrato com Dr. Luke. Com as acusações de assédio sexual, terrorismo psicológico e abuso de poder, a cantora está pedindo pela quebra do contrato com o produtor, que não quer ceder tão facilmente. Mas a coisa não está nada bem para o lado dele.

A mãe da cantora, que sempre faz tudo o que pode para apoiar a filha em relação ao assunto, twittou que Max Martin chegou a ouvir uma das vezes em que Dr. Luke ameaçou Kesha. “Em 2005, quando Luke disse à Kesha que ela não seria nada sem ele, eu estava lá, assim como Max Martin. Portanto, há uma testemunha, se ele estivesse disposto a dizer a verdade”, garantiu Pepe Sebart.

Ainda de acordo com ela, ele teria a ameaçado para caso Kesha fosse contra seus interesses para a carreira dela, dizendo que a deixaria “presa em uma ação judicial até que estivesse velha o suficiente para lançar alguma música”. Essa parte, pelo menos, parece bastante real, visto que Kesha e Dr. Luke seguem na batalha judicial há um ano e meio.

No fim de 2015, Pepe também se manifestou sobre o caso, pedindo apoio de outros artistas. Onde estão todas as pessoas que viram o que estava acontecendo? Eles estavam bem ali quando queriam tirar dinheiro dela. Onde estão os outros artistas que sabem a verdade, de suas experiências próprias? Covardes”, disse.