O retorno de Taylor Swift: o que sabemos sobre “Reputation” e 6 rixas que devem estar no disco

  • Por Jovem Pan
  • 25/08/2017 12h25
Reprodução

Está acontecendo: Taylor Swift voltou e parou o mundo da música. Depois de passar o ano de 2016 quase completamente reclusa, a cantora laçou seu 1º single, “Look What You Made Me Do”, nesta quinta-feira (24).

O retorno de Taylor, apesar de muito esperado, vem de surpresa e muito rápido. A cantora pegou todos desprevenidos nos últimos dias ao fazer um “apagão” em suas redes sociais antes de postar vídeos misteriosos com uma cobra e, enfim, declarar sua volta com single, clipe, disco e até turnê pelos EUA.

E aí fica aquela ansiedade. O que podemos esperar da volta da Taylor? Sabemos que ela, finalmente, vai falar sobre todas as polêmicas e rixas que aconteceram no último ano e “Look What You Made Me Do” é apenas uma prova.

Além disso, a capa de “Reputation” indica na mesma direção. Na imagem, o nome de Taylor Swift aparece repetidamente em várias manchetes e artigos de jornal. que isso quer dizer? Lembra tudo que foi falado sobre ela nos últimos anos (e ela, reclusa, não se pronunciou)? Tudo mesmo? Chegou a hora de ela responder e as alfinetadas vão ser bem diretas.

Por isso, a Jovem Pan ativou o modo CSI e investigou tudo sobre “Reputation”, o disco sucessor de “1989”, lançado em 2014. Abaixo, listamos o que sabemos e 4 “climões” que Taylor pode (e vai) afrontar.

“Look What You Made Me Do”

O single de estreia de “Reputation” mostrou a que Taylor veio: ela se reinventou novamente, deixou a figura de vítima inocente para trás e, agora, vai partir para o ataque de igual para igual. A própria letra indica isso em: “a antiga Taylor não pode atender o telefone. Porque? Ela está morta”.

Mesmo sem citar nomes, a cantora deixou claro que a música tem um destinatário: Kanye West. “Eu não gosto dos seus jogos, não gosto do seu palco flutuante”, canta Taylor. Além disso, a faixa deixa mais do que clara a intenção do disco: passar a limpo todas as rixas.

6 climões que, certamente, devem aparecer no álbum

A cobra Taylor Swift X Kanye West

Essa foi, talvez, a maior polêmica enfrentada por Taylor desde que encerrou sua turnê “1989”, em 2015. Para relembrar: tudo começou quando Kanye lançou a música “Famous”, em que ele dizia que a cantora “lhe devia sexo”. A cantora ficou irritada com a canção e, logo em seguida, Kim Kardashian expôs um vídeo em que Taylor não só ouve a letra da música como dá permissão para que ela seja usada.

Esse caso dominou a mídia e, imediatamente, a internet passou a usar o emoji de cobra para se referir a Taylor. Aqui vai o ponto chave: os vídeos misteriosos de seu retorno mostram, justamente, uma víbora. Ou seja, ela vai enfrentar o problema de frente e, para aumentar o espetáculo, assumiu a identidade da cobra.

Taylor Swift X Katy Perry: a briga que não acaba nunca

A maior treta do mundo pop pode ganhar novos capítulos. Esse ano, Katy não cansou de tocar no assunto enquanto promovia o seu novo disco, “Witness”. A cantora, inclusive, falou mais de uma vez que quer ficar em paz com Taylor e que a ama apesar de tudo que aconteceu.

Por mais que o assunto aparecesse na mídia, Taylor manteve seu silêncio o tempo todo. A rixa com Katy Perry é muito esperada para aparecer no novo disco, seja alfinetando ainda mais a cantora ou, até, declarando trégua.

Calvin Harris e “This Is What You Came For”

Taylor Swift e Calvin Harris encerraram o namoro em 2016 e, o que se seguiu, foi um show de climão. Pouco tempo depois do término, surgiram rumores de que Taylor seria a responsável por escrever o hit “This Is What You Came For”, do DJ, com um pseudônimo.

Não demorou muito para a equipe da cantora confirmar os boatos e alterar o nome falso nos registros da música e foi aí que Calvin explodiu nas redes sociais. “Por favor, foque nas coisas positivas de sua vida (…) eu sei que você precisa enterrar alguém novo como fez com Katy, mas não sou esse tipo de cara”, escreveu ele.

Esse ano, Harris declarou que se arrependeu de explodir publicamente com a ex-namorada, mas Taylor não devolveu as críticas que recebeu (ainda).

Tom Hiddleston

Os álbuns de Taylor são famosos por suas músicas sobre relacionamentos passados. Foi assim com Taylor Lautner, Harry Styles e outros. Então, é bem possível que ela cante sobre o breve namoro que teve com o ator Tom Hiddleston – que todos acreditavam ser apenas uma jogada de marketing. Taylor e Tom começaram a namorar pouco depois da cantora romper com Calvin Harris e ficaram juntos por 3 meses.


A mídia

Taylor se envolveu em várias rixas e, em todo esse tempo, a mídia não só repercutiu os casos como se aproveitou muito deles. Mesmo que ela nunca tenha se posicionado contra sua exposição na mídia antes, pode ser que ela dirija algumas críticas à forma como sua figura foi exposta e retratada enquanto esteve ausente.

Caso de assédio

Esse ano aconteceu o julgamento do caso de assédio denunciado por Taylor contra o DJ David Mueller. A cantora venceu o processo e, como foi um momento de extrema exposição e coragem, ela com certeza deve incluir esse assunto nas novas músicas de alguma forma. 

Pode vir, Taylor! Estamos prontos!