Performance de Lady Gaga no Oscar inspira Jaime King a revelar assédio

  • Por Jovem Pan
  • 02/03/2016 09h16
Divulgação/Efe<p>Nomes como Tyra Banks, Demi Lovato e Lindsay Lohan, também fizeram questão de manifestar apoio à causa</p>

A tocante apresentação de “Til It Happens To You”, de Lady Gaga, no Oscar do último domingo (28) ainda tem rendido elogios à cantora, que aproveitou a exposição para protestar contra o abuso sexual e contou com a presença de vítimas no palco.

Além dos agradecimentos de Kesha, que tem travado uma batalha judicial com seu antigo produtor com as mesmas acusações, a performance da cantora também acabou inspirando a atriz Jaime King, do seriado “Hart of Dixie”, a confidenciar ter vivenciado a triste experiência.

“Finalmente me senti verdadeiramente curada dos anos de abuso da indústria. Hora de ser corajosa”, disse ela em uma postagem no seu Twitter, agradecendo à colega.

Hoje mãe de dois meninos, em seu Instagram ela foi além no desabafo: “Obrigada a mim mesma por não escolher fazer desta história uma tampa, como me foi sugerido, mas por expressar de coração a todos vocês que sentiram de forma mais honesta meus sentimentos. Obrigada a minha alma, corpo, mente, emoções, minha criança interior, o meu eu mais jovem, te amo. É uma noite de celebração, de mudança, de não ter vergonha de sua raça, cor, credo, situação, circunstâncias, ambiente ou passado. Agora estou um pouco livre”.

Confira aqui a mensagem na íntegra:

SURVIVOR – Thank you @kyle_newman for loving me whole | My children | @lenadunham for her relentless bravery that always leads my Spirit to stand up| Dr. Randy Harris for YEARS of empathy | Michael Hayes @awaketolove ~ there are no words | Dr. Allan Phillips | @erikaklein | @ladygaga | #DianeWarren for breaking me whole last night and tonight| TS I love you for being there no matter what| Thank you to the only people I have told | Thank you to @damhave ~ you know why | Thank you @hooligandreamer| Thank you @amandadecadenet | Thank you to @unwomen & all organizations that have tirelessly worked to somehow comfort & make right | Thank you to myself to not choosing to not make this a cover story though that was what was suggested to me but to express from my heart to you all personally which felt the most honest way for me to speak | Thank you to my Soul, body, mind, emotions, my inner child, my younger self, I love you. It’s a night of celebration, of change, of not being ashamed of your race, creed color, situation, circumstances and environment, or past. Now I am free, somewhat. Thank you for the switch that went off inside finally when I realized my silence said I cannot help nor change and that is not who I am. I love you all very much for creating a safe space. The time is now. I was about 14 here, it started at 12. Peace Be Still ❤️

Uma foto publicada por Jaime King (@jaime_king) em Fev 29, 2016 às 12:12 PST