Perseguidor de Taylor Swift é condenado e será monitorado por 10 anos

  • Por Jovem Pan
  • 03/04/2018 13h14
Reprodução

De acordo com o site “TMZ”, o perseguidor de Taylor Swift, Frank Andrew Hoover, foi condenado na última segunda-feira a dez anos de liberdade condicional por ameaçar a cantora e sua família de morte.

O homem de 40 anos foi preso em novembro de 2016 após violar uma ordem de restrição de 150 metros. Na ocasião, ele perseguiu Swift após um show até o aeroporto no Texas, onde afirmou que entraria no mesmo voo que ela.

Após investigação da Justiça, foi comprovado que ele enviou e-mails para o pai de Taylor, ameaçando matar ele e o restante de sua família.

O norte-americano não ficará livre para fazer o que quiser, mesmo em condicional. Ele será monitorado o dia inteiro por meio de um GPS.