“Podia ter sido meu fim”, diz guitarrista dos Stones sobre luta secreta contra o câncer

  • Por Jovem Pan
  • 06/08/2017 16h37
Reprodução/Instagram

O guitarrista do Rolling Stones Ronnie Wood revelou neste sábado (5) que há meses tem lutado secretamente contra um câncer no pulmão e já teve que se submeter a uma cirurgia para retirar parte do órgão. As informações foram dadas em entrevista ao Daily Mail. “Houve uma semana em que tudo esteve por um fim. Podia ter sido meu fim, minha hora de dizer adeus”, declarou.

O diagnóstico apareceu em maio deste ano, quando os integrantes da banda se preparavam para iniciar uma turnê na Europa e tiveram que passar por uma série de exames.

“Quando o médico veio com a notícia que tinha algo queimando em meu pulmão esquerdo, vou ser bem sincero, não fiquei surpreso. Ele perguntou o que eu gostaria de fazer e falei ‘apenas tire isso de mim’. Eles só precisavam saber se aquilo tinha se espalhado nos nódulos linfáticos. Se isso tivesse acontecido estaria tudo acabado para mim”, contou.

Wood disse ainda que estava preparado para receber “notícias ruins” durante o tratamento, mas “tinha fé” de que poderia dar certo. No período, ele e sua família decidiram não contar sobre a doença para absolutamente ninguém. “Eu não queria colocar mais ninguém no inferno que estávamos passando”, afirmou. E ele estava decidido: se o câncer tivesse espalhado (o que felizmente não aconteceu), não faria quimioterapia.

O guitarrista agora está recuperado e somente terá que fazer exames regulares a cada três meses. Ele – que já esteve oito vezes em clínicas de reabilitação – parou de beber, fumar e usar outras drogas no início de 2016 com o nascimento dos filhos gêmeos.