Primeiro disco de Harry Styles é bom, mas não deve ser sucesso de vendas

  • Por Jovem Pan
  • 12/05/2017 10h15
Divulgação

Harry Styles lançou, nesta sexta-feira (12), o seu primeiro álbum solo. “Sign Of The Times” mostra a personalidade sonora do ex-One Direction, deixando a música pop de lado e investindo num rock com tons de folk. Apesar da qualidade, o disco não deve agradar quem pensar no músico com a cabeça voltada para a boy band.

As influências de Styles no rock britânico é facilmente vista nas 10 faixas que integram a sua estreia no mainstream. Em grande parte, o cantor investe em um ritmo lento e intimista, com voz e violão.

Em “Carolina”, “Only Angel” e “Kiwi”, o músico já arriscou um ritmo mais elétrico e barulhento. O rock de Harry tem várias facetas e não se resume apenas às canções lentas e românticas.

Com o tempo, certamente o rosto mais conhecido do One Direction conseguirá acostumar os seus fãs com o seu novo estilo. São muitas mudanças que devem dar uma sensação de estranheza nos jovens que cresceram junto do britânico e não acredito que “Sign Of The Times” possa alcançar o sucesso esperado.

Sou a favor de artistas que decidem impor a sua personalidade em seus trabalhos, sem pensar apenas no lado comercial. Miley Cyrus também está seguindo o mesmo caminho e desafiará a real base de fãs, assim como Styles fez em seu primeiro disco.