“Quando eu era muito magra, queria me matar”, revela Kelly Clarkson

  • Por Jovem Pan
  • 24/10/2017 12h09
Reprodução

Kelly Clarkson sofreu na pele a pressão para se manter dentro dos “padrões de beleza” do mundo da música. A cantora, que desenvolveu muitos distúrbios alimentares no começo da carreira, agora alerta para esse lado problemático que cerca as mulheres. Em entrevista à Attitude, ela revelou que pensou em se matar por conta da pressão para se manter magra.

“Quando eu era muito magra, eu queria me matar. Eu estava miserável, por dentro e por fora, por 4 anos da minha vida. Mas ninguém ligava, porque esteticamente meu corpo fazia sentido”, desabafou.

“Foi um momento muito difícil para mim. Pensei que a única forma de superar era desistindo [da música]. Eu machuquei meus joelhos e meus pés porque tudo que eu fazia era colocar meus fones e ir correr. Eu estava na academia o tempo todo”, lembrou.

Kelly Clarkson contou ainda que só conseguiu encarar o problema durante o lançamento do disco “My December”, de 2007 – 5 anos depois de ter ganho o “American Idol”. “Eu estava cercada de pessoas negativas (…) precisei me virar, encará-los e andar em direção à luz”, disse.