R. Kelly se entrega à polícia; advogado diz que mulheres estão mentindo

  • Por Jovem Pan
  • 23/02/2019 13h51 - Atualizado em 23/02/2019 13h55
Reprodução/InstagramR. Kelly se entregou à polícia nesta sexta-feira (22)

O rapper R. Kelly se entregou à polícia nesta sexta-feira (22) após ser indiciado por 10 casos de abuso sexual. Das quatro supostas vítimas do cantor, três tinham entre 13 e 16 anos na época dos supostos crimes.

O músico passou a noite desta sexta na prisão e terá uma audiência neste sábado (23) para a definição de sua fiança. Ainda na sexta, após R. Kelly se entregar à polícia, o advogado do cantor, Steve Greenberg, afirmou em coletiva de imprensa que as mulheres que acusam seu cliente estão mentindo.

“Eu acho que todas as mulheres estão mentindo, sim”, disse Greenberg. Ele ainda acusou a Promotora Kim Foxx de montar um espetáculo midiático com o caso. “Eu iria me encontrar com a promotora na semana que vem para discutir sobre o que eles tinham. Mas aí eles decidiram indiciá-lo hoje sei lá por que. Suspeito que eles sucumbiram à pressão da opinião pública”, afirmou o advogado.

A rede americana CNN teve acesso a um vídeo de mais de 40 minutos que mostra o artista tendo relações sexuais com uma garota que aparenta ser menor de idade. Em um momento do vídeo, a moça diz ter 14 anos.

Além do caso que o levou à prisão, R. Kelly está sendo investigado por outras três promotorias. Uma delas apura se o cantor teve relações sexuais com garotas menores de idade que foram vítimas de tráfico humano.