Taylor Swift vence ação movida por DJ que a assediou e caso segue para julgamento

  • Por Jovem Pan
  • 31/05/2017 18h39
Reprodução

Em 2015, Taylor Swift resolveu entrar na justiça contra o DJ David Mueller depois que ele a assediou durante uma sessão de fotos em 2013. O DJ tentou acusar a cantora de difamação, mas de acordo com o TMZ, Taylor venceu essa parte da disputa.

Mueller abriu a ação contra Taylor em 2016. Nela, o DJ, que perdeu o emprego por conta do assédio, disse que a cantora “exagerou” ao dizer que ele havia levantado sua saia para tocar em seu bumbum.

O juiz responsável pelo caso desconsiderou a ação movida contra Taylor porque Mueller teria perdido o prazo de 1 ano para abrir a ação. O processo de Taylor contra o DJ pelo assédio foi aberto em 2015.

Agora, o resto do caso segue para julgamento. Taylor processou Mueller por assédio e o DJ ainda será julgado nesse processo.