Um ano depois de sua morte, famosos homenageiam Chorão nas redes sociais

  • Por Jovem Pan
  • 06/03/2014 11h11
Reprodução

Alexandre Magno Abrão, o cantor e compositor Chorão, foi encontrado morto no dia 6 de março de 2013 – data que ficou marcada na memória de muitos fãs, inclusive alguns famosos. É o caso de Di Ferreiro, líder do Nx Zero, Helena Papini, baixista de A Banca, Marcos Mion e Gustavo Leão, que nesta quinta-feira (6), um ano depois, escreveram mensagens nas redes sociais homenageando o músico. 

Di compartilhou uma montagem em seu perfil do Instagram de alguns momentos que passou ao lado do amigo. “1 ano sem o chorones! Saudade desse cara! Só desejo muita paz onde quer que esteja! Se depender de mim sempre será lembrado! #choraoeterno #familiacbjr#familianx”, escreveu na legenda. 

Na mesma rede social, o apresentador Marcos Mion publicou uma foto do cantor. “Um ano hoje”, disse. 

O ator Gustavo Leão, por sua vez, postou um texto um pouco maior. “1 ano sem o ídolo, sem o cara que embolou toda minha adolescência, o cara que me fez comprar um skate, e que me fez entender a dar valor as coisas simples, entender que dinheiro nunca foi sinal de superioridade. Tudo isso através das suas músicas. Que me fez entender que todos temos nosso lugar ao sol, mas só os loucos sabem, o quanto era importante ter essa referência cantando e alegrando a todos, com sua poesia de rua. Um ano sem um ídolo, mas com a certeza que o Chorão é eterno. #chorãoeterno”, escreveu. 

Helena preferiu usar o Twitter para se manifestar. “Viver nossos sonhos… tão pouco tempo. Passa muito rápido e a gente perde grandes coisas”, disse.