Por trás do desfile, merendeiros revelam satisfação em trabalhar no carnaval do Anhembi

  • Por Adriano Henrique/Jovem Pan
  • 11/02/2018 00h56 - Atualizado em 11/02/2018 01h00
Reprodução/YoutubeSouza, que no dia a dia é motorista, disse que há todo um preparo com as pessoas que trabalham no Anhembi e revelou que a participação é uma grande felicidade

Quem assiste a grandeza do Desfile das Escolas de Samba de São Paulo nem percebe a presença de pessoas que estão por trás do evento e são de suma importância para a realização da festa: os merendeiros. Para quem não sabe, eles são os responsáveis por empurrar os carros alegóricos e possuem uma grande importância para o sucesso dos desfiles.

Mas, apesar do cansaço, participar da organização do desfile é importante, gratificante e emocionante. É o que garantem os três personagens que a reportagem da Jovem Pan conversou.

“Apesar de cansativo, é emoção, né. A emoção de estar aqui, ajudando a escola. Não só uma, várias escolas. A gente acaba se divertindo também”, disse Eduardo Pereira, que é porteiro.

Já o merendeiro Anderson de Souza Lima exaltou a importância da festa para a comunidade. “Carnaval é uma vez por ano. (…) Isso é muito importante para a nossa comunidade, pro nosso país, que vem sofrido, vem com diversas dificuldades e nós chegamos a fazer esse carnaval maravilhoso”, afirmou.

Souza, que no dia a dia é motorista, disse que há todo um preparo com as pessoas que trabalham no Anhembi e revelou que a participação é uma grande felicidade.

“É muito gratificante, é muito bom. Ter esse momento, essa alegria, essa “quentura” humana que o povo traz pra gente…é muito bom.”