Após luta contra doença rara, promoter Alicinha Cavalcanti morre aos 58 anos

Em 2015, ela foi diagnosticada com Afasia Progressiva Primária, doença degenerativa rara

  • Por Jovem Pan
  • 02/08/2021 17h04 - Atualizado em 02/08/2021 17h18
Reprodução/InstagramAlicinha Cavalcanti morreu aos 58 anos

Alicinha Cavalcanti, uma das maiores promotoras de eventos do país, morreu nesta segunda-feira, 2. Ela tratava uma Afasia Progressiva Primária desde 2015, doença degenerativa rara caracterizada pela deterioração progressiva da linguagem. A informação foi confirmada pelas apresentadoras Astrid Fontenelle e Marília Gabriela nas redes sociais. “Perdi hoje minha amiga mais sapeca e deliciosa. Mulher forte. Mulher amorosa. Lutou bravamente contra uma doença que até hoje não reconheço o nome”, escreveu Fontenelle. Marília Gabriela também destacou a força da amiga na luta contra a doença. “Minha amiga mais linda, mais generosa, amiga que não se abatia com nada, que a tudo vencia com ânimo e alegria, Alicinha Cavalcanti, nos deixou hoje para sempre. Foi super combativa em sua luta contra a infelizmente invencível Afasia Progressiva Primária. Lutou e lutou até hoje pela manhã. Vai deixar um imenso vazio em cada pessoa que passou pela sua vida”, disse.