‘Star Wars: A Ascensão Skywalker’ tem a pior nota da trilogia em agregadores de críticas

‘A Ascensão Skywalker’ chega aos cinemas nesta quinta-feira (19), mas críticas não são positivas

  • Por Jovem Pan
  • 18/12/2019 11h04
Divulgação/Disney'Star Wars: A Ascensão Skywalker' estreia nesta quinta-feira (19)

Star Wars: A Ascensão Skywalker” chega aos cinemas nesta quinta-feira (19) e encerra a terceira trilogia da saga, iniciada em 2015. Apesar da empolgação dos fãs, o parecer da imprensa estrangeira sobre o filme não é nada animador: o título tem a pior nota da terceira fase da franquia nos agregadores de críticas Rotten Tomatoes e Metacritic.

O Rotten Tomatoes compilou 103 críticas do novo Star Wars e indicou que o longa teve 61% de aprovação pela imprensa estrangeira. Entre as críticas positivas, estão as de The GuardianNew York Post. Já The New York TimesWashington Post e a revista Time deram avaliações negativas.

O desempenho de “A Ascensão Skywalker” no agregador é o segundo pior de toda a saga. O título perde apenas para “A Ameaça Fantasma”, de 1999, que teve 53% de aprovação. Da nova trilogia, “O Despertar da Força” teve 93% de aprovação e “Os Últimos Jedi” ficou com 91%. O título com a melhor avaliação é “O Império Contra Ataca”, com 94%.

No Metacritic, a situação é semelhante. O site utiliza pontuação de 0 a 100, e “A Ascensão Skywalker” tem 52 pontos. Foram avaliadas 38 críticas, com destaque para CNNVariety entre as positivas, e SlantVox entre as negativas.

O agregador também foi menos generoso com os outros dois títulos da atual trilogia. “O Despertar da Força” teve 81 pontos e “Os Últimos Jedi”, 85. Novamente, “A Ascensão Skywalker” perde apenas para “A Ameaça Fantasma”, que tem 51 pontos.

Dirigido por J.J. Abrams e estrelado por Daisy Ridley, John Boyega e Oscar Isaac, “Star Wars: A Ascensão Skywalker” não só encerra a atual trilogia, mas também dá fim à saga Skywalker na história. A Disney, no entanto, já confirmou três novos filmes da franquia a partir de 2022.