Artistas do Brasil e do mundo se despedem do “gênio” Jerry Lewis

  • Por Jovem Pan
  • 20/08/2017 19h21
Jerry Lewis em cena de "O Professor Aloprado", de 1963

Grandes nomes de Hollywood e artistas brasileiros lamentaram a morte do ator Jerry Lewis, neste domingo (20), aos 91 anos. Responsável por obras brilhantes como “O Professor Aloprado” (1963), o comediante recebeu homenagens e foi lembrado com carinho.

“Aquele bobo não era um idiota. Jerry Lewis foi um gênio inegável e uma bênção incomensurável, a comédia em absoluto”, escreveu Jim Carrey no Twitter usando o termo pelo qual Jerry Lewis era conhecido no início da sua carreira: “idiota”

Robert De Niro, que trabalhou com Lewis em “O Rei da Comédia”, lembrou de sua relação com o colega. “Jerry foi um pioneiro na comédia e no cinema. Foi um amigo. Tive a sorte de tê-lo encontrado algumas vezes nos últimos anos. Mesmo aos 91, ele não perdia uma. Vai fazer falta”, disse em comunicado ao The Wrap.

Leandro Hassum, também que teve a oportunidade de contracenar com o americano em “Até Que a Sorte Nos Separe 2”, também lamentou a morte de Jerry Lewis: “o céu está cada vez mais incrível”. Bruno Mazzeo foi outro brasileiro que se manifestou: “Jerry Lewis se vai e com ele um pedaço da minha infância”.

“Oh, não! Jerry Lewis acabou de morrer. Outra lenda da comédia nos deixou. (Dean) Martin e Lewis eram os Beatles da comédia. Ninguém foi tão grande!” escreveu o ator e comediante americano Rob Schneider.

 

“Jerry Lewis morreu hoje, milhões de pessoas pelo mundo o amavam, milhões de crianças ele ajudou nos Telethons. Descanse em paz e minhas condolências à família”.

“Foi incrível conhecer e rir com o incrível Jerry Lewis! Ele vai nos manter rindo para sempre”.

 

Jerry lewis o céu está cada vez mais incrível. #RIP #jerrylewisforever

Uma publicação compartilhada por Leandro Hassum (@leandrohassum) em