Claire Foy diz que não recebeu pagamento por desigualdade salarial em “The Crown”

  • Por Jovem Pan
  • 30/07/2018 20h11
ReproduçãoProtagonista da Netflix teve salário menor que Matt Smith nas duas temporadas da série

A atriz Claire Foy, que interpretou a rainha Elizabeth II nas primeiras temporadas de “The Crown”, negou que tenha recebido pagamento equivalente a diferença de seu salário com o do colega Matt Smith, que deu vida a Phillip na produção e, conforme a Netflix confirmou, recebia salário maior que a protagonista.

A notícia de um suposto cheque no valor da diferença salarial, que seria de 200 mil euros, foi divulgada em abril, mas a atriz negou que tenha recebido o pagamento em entrevista ao canal Al Arabiya, de Dubai.

“Isso é o que foi noticiado, que eu fui paga. Eu nunca mencionei nada sobre isso, nem os produtores da série. O fato é que esse ‘fato’ não é correto. Sim, estamos falando da Netflix, mas é uma companhia de produção britânica [Left Bank Pictures]”, falou.

“Isso aconteceu ao mesmo tempo em que foi noticiado muitos casos de desigualdade salarial – na indústria da música, no jornalismo, em todos os campos. Se tornou parte de uma discussão maior e é estranho me ver no centro disso”, completou.

No último ano, a Netflix confirmou que o salário de Matt Smith era maior que a da intérprete da rainha, pois o ator era “mais conhecido” na indústria. A empresa, no entanto, afirmou que a partir da 3ª temporada, a atriz responsável por interpretar a rainha terá sempre o maior salário.