Cozinheiro empregado por Catia Fonseca pede demissão: ‘Fiquei só sete dias’

  • Por Jovem Pan
  • 16/04/2019 10h37
Reprodução/YouTubeBruno Coutinho afirma ter recebido diversas propostas de trabalho e, por isso, optou por seguir sozinho

Em menos de um mês, a vida de Bruno Coutinho teve diversas surpresas. Após aparecer ao vivo na TV Globo enquanto estava numa fila de emprego e, no mesmo dia, participar do programa da Catia Fonseca, o cozinheiro acabou contratado pelo chef Melchior Neto. Mas Bruno já pediu demissão.

“Fiquei só sete dias lá. Uma semana. Saí de lá porque estou correndo atrás de oportunidades melhores”, explicou o cozinheiro ao site “Notícias da TV”.

Tudo começou quando Bruno foi entrevistado ao vivo para o “Bom Dia São Paulo”, da TV Globo, no fim de março.

Horas depois, ele entrou no ar novamente para conversar com Ana Maria Braga e, ao se declarar fã da apresentadora, foi convidado ao “Mais Você“. Mas antes mesmo daquele dia acabar, Bruno foi procurado pela TV Gazeta e à tarde participou do “Melhor da Tarde“.

Catia preparou uma surpresa para Bruno, que foi contratado pelo Chef Melchior Neto para atuar o restaurante do famoso cozinheiro e empresário. Entretanto, a parceria não deu certo.

“Foi uma saída tranquila. Vou seguir com a minha vida, e ele [Melchior Neto] com a dele. Falei para ele que ia procurar outros caminhos, e ele me desejou sorte”, disse.

Ao “Notícias da TV”, Bruno contou que recebeu diversas propostas de trabalho desde que apareceu na TV, além de já ter firmado contratos publicitários para publicações patrocinadas nas redes sociais.

“Já tenho oito eventos marcados. E eu cobro em torno de R$ 1.500 para cada jantar que faço, para até 50 pessoas. Esse valor inclui o meu cachê e o de minha equipe, que são os garçons e meus assistentes na cozinha”, explicou.

A participação quinzenal no “Melhor da Tarde” também está garantida, assegurou Bruno, que deve aparecer nesta quarta (17) cozinhando para Catia.