Daisy Ridley, de ‘Star Wars’, afirma que não se considera privilegiada

  • Por Jovem Pan
  • 08/12/2019 11h25
ReproduçãoDaisey Ridley não gostou de ser questionada sobre privilégios

Daisy Ridley, em entrevista ao The Guardian, negou que tenha tido qualquer tipo de privilégio por frequentar uma escola particular e disse que sua trajetória foi similar a de seu parceiro de elenco de “Star Wars” John Boyega.

A atriz de 27 anos que estrelará “Star Wars: a Ascensão Skywalker”, foi questionada pela jornalista Nosheen Iqbal se ela considerava que sua carreira foi relativamente “mais fácil” graças à confiança obtida por sua educação de primeira linha.

“O privilégio que eu tenho – como? Não, genuinamente, como?”, questionou.

A entrevistadora, então, escreveu que Ridley insistiu que sua experiência é muito similar a de John, que cresceu no sul de Lodnres com pais que imigraram da Nigéria.

“John cresceu em uma região mantida pelo Estado em Peckham e acho que eu e ele somos similares”, afirmou.

Iqbal, na reportagem, disse que não ressaltou o fato de que Daisy tem uma família tradicional inglesa (seu avô foi chefe de engenharia da BBC, seu irmão foi ator e roteirista consagrado), enquanto Boyega “teve de conseguir uma bolsa para estudantes de baixa renda para cursar teatro”.

Quando perguntada se nove anos de escola particular deram confiança adicional a Daisy, ela respondeu: “Não estou dizendo que você está errada. Só nunca fui questionada sobre isso e não acho que seja assim.”

“Eu sempre fui confiante, acho que vem do fato de eu fazer parte de uma família grande que sempre foi muito falante”, concluiu.